É preciso que ele cresça e que nós diminuamos

Irmãos e irmãs do Ministério de Pregação do Estado do Rio de Janeiro,

Você já deve ter conhecimento da mobilização nacional de oração, onde nós que somos membros da Renovação Carismática Católica do Brasil, estamos unidos em oração. Os membros do MP (Ministério de Pregação) de nosso estado estarão sempre em oração nos dias 13 e 20 de cada mês, das 07:00 às 08:00 horas da manhã, e por tocar nesse assunto, minha oração de hoje pela manhã foi maravilhosa, Deus sempre se faz presente quando nos colocamos a orar, pois como nos diz Sto. Agostinho: “Deus tem sede de que tenhamos sede D’Ele.”

Partilho abaixo 02 textos que tenho meditado para que também meditem e depois partilhem no blog as suas experiências.

“Não pode amar a Deus quem ama a si mesmo. Pelo contrário, quem não se prefere por causa das incomparáveis riquezas do amor de Deus, este ama a Deus. Daí decorre que jamais busque a própria glória, mas a glória de Deus. Pois quem se ama, procura sua glória, mas quem ama a Deus, ama a glória de seu Criador.

É próprio da alma sensível ao amor e a Deus procurar sempre a glória de Deus, deleitando-se em realizar todos os preceitos com submissão. Porque a Deus, por causa de sua magnificência, convém a glória. Ao homem, porém, convém a submissão que nos faz familiares de Deus. Quando procedemos assim, nós nos alegraremos com a glória do Senhor e, a exemplo de João Batista, começaremos a dizer sem nunca cessar: É preciso que ele cresça e que nós diminuamos.” Dos Capítulos sobre a perfeição espiritual, de Diádoco de Foticéia, bispo (Cap.12.13.14:PG 65,1171-1172) (Séc.V)

 

“Eis que ponho diante de vós bênção e maldição; a bênção, se obedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus, que hoje vos prescrevo; a maldição, se desobedecerdes aos mandamentos do Senhor vosso Deus e vos afastardes do caminho que hoje vos prescrevo, para seguirdes outros deuses que não conhecíeis”. Dt 11, 26-28

Renato Ritton

Coord. estadual do ministério de pregação

 

Deixe seu comentário